sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Lá Fora,...



Eu te dispo,
te sorvo,
te lambo,
te beijo,
te xingo,
te amo.
Te toco,
me entoco,
te bolino,
(sou menino),
e te venero.
(como eu quero)!


Enquanto lá fora
uma música toca,
embalando  maldosa,
meus devaneios
mais profanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário