quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Soneto à Flor (Morena)


A minha morena.
Menina safada,
é loba serena,
e mulher delicada.

A minha morena,
as vezes é flor;
é rosa, é açucena,...
é candura, é calor.

A minha morena
tem sabor de pecado.
Tem sorriso de plena;

Que me deixa arretado.
Quando sub, (que encena):
Viro Dono extasiado!

5 comentários:

  1. Hummmm delicia esse seu jeito de me ver, lembraças que marcam, amor, paixão e uma pitadinha de sedução...amei vida, bjo amor!

    ResponderExcluir
  2. Beyoncé dos pobres23 de janeiro de 2013 20:21

    belas tetas

    ResponderExcluir
  3. Beyoncé dos pobres - pena vc não ter coragem de mostrar-se. Acho tão pobre o anonimato que faz jus ao nick,...

    ResponderExcluir
  4. A unica pessoa da minha família que sabe postar foto em blog é meu filho! Claro que não pedirei isso a ele...

    ResponderExcluir