terça-feira, 15 de novembro de 2011

Delicinha






Delicinha,
delicinha,
delicinha.
Que vontade que tu me dás
de provar dos teus sabores.
Um a um,...
Mergulhar em tuas fantasias
libidinosas.
Adentrar em teus segredos,
desvendar os teus anseios.
Depois repousar sereno
a cabeça, entre teus seios!

4 comentários:

  1. Ah! Adorei o novo banner!

    Mais beijos...

    ResponderExcluir
  2. Hummm...e por ali vai se aconhegando...se encaixando.
    Delicia!

    Beijo poeta

    ResponderExcluir
  3. Delicinha é bom, né?

    Bjs

    ResponderExcluir